[ editar artigo]

7 mitos e verdades sobre o vegetarianismo

7 mitos e verdades sobre o vegetarianismo

Muitas pessoas, inclusive profissionais da saúde, acreditam que ao se tornarem vegetarianas vão ficar doentes. Para você que também tem dúvidas ou interesse no vegetarianismo, eu trago alguns mitos e verdades para desvendarmos juntos.

Para começar, é importante que você saiba que de acordo com órgãos internacionais, como a Associação Dietética Americana - ADA, uma alimentação vegetariana bem planejada pode ser adotada em todas as fases da vida, desde gestante até o idoso.

Então, vamos começar a desvendar os mitos e verdades sobre vegetarianismo?

 

1. As proteínas vegetais são incompletas.

Mito!

Confira no vídeo abaixo, porque essa afirmação sobre as proteínas de origem vegetal é um mito:

 

Vídeo: Mitos da proteína vegetal

 

2. A deficiência de vitamina B12 é exclusiva dos vegetarianos.

Mito!

A verdade é que a deficiência de B12 não é exclusiva de pessoas que são vegetarianas.

Qualquer um pode ter deficiência de B12 por vários motivos, tanto por excluir a ingestão de produtos animais, ou até por problemas gástricos já que o fator intrínseco está presente no estomago. 

Além do mais, muitos animais não são criados soltos, o que prejudica produção dessa vitamina no boi, já que essa produção é feita por bactérias.

 

3. A anemia por deficiência de ferro só acontece em vegetarianos.

Mito!

A anemia por deficiência de ferro também pode acometer indivíduos não vegetarianos por vários fatores, como por ingestão insuficiente de alimentos fontes de ferro (tanto de origem vegetal, como de origem animal), ou por fatores clínicos (hemorragias, e outros).

 

4. Atletas e praticantes de atividade física podem seguir o vegetarianismo.

Verdade!

Muitos são os atletas adotam uma dieta plant-based (à base de plantas).

 

Dica de documentário sobre esse assunto na Netflix: Dieta de Gladiadores 

 

5. Se uma pessoa resolver ser vegetariana hoje, pode ser de imediato.

Verdade!

A pessoa não precisa fazer a transição para o vegetarianismo. Pode de um dia para o outro se tornar vegetariana, desde que seja algo que ela queira e que esteja preparada e confortável com a decisão.

Não existe certo e errado, cada um tem um tempo. Existem pessoas que acordam e decidem ser vegetarianas, e outras precisam de um tempo maior para se adaptarem.

6. Quem é vegetariano tem, ou terá, um transtorno alimentar.

Mito!

Porém, é preciso avaliar e considerar o motivo pelo qual a pessoa quer se tornar vegetariana. Pois algumas pessoas com transtornos alimentares podem usar essa justificativa para tentar mascarar o comportamento em relação a alimentação (restrição alimentar).

 

7. Todo nutricionista que trabalha com vegetarianismo precisa ser também vegetariano.

Mito!

O nutricionista como qualquer outro profissional da saúde não precisa ser vegetariano para trabalhar com esse público. Porém, é preciso que o profissional tenha empatia e respeite a escolha do individuo, além de ter o conhecimento técnico.

 

Você conseguiu perceber que todas as pessoas podem ser vegetarianas se tiverem uma alimentação bem planejada?

Por isso, se é o que você deseja, procure um nutricionista que trabalhe com vegetarianismo, pois é o profissional indicado para te ajudar  nessa nova escolha de vida.

Vegetarianismo & Ervas

Nutri & Você
Poliana Aparecida Afonso
Poliana Aparecida Afonso Seguir

Ajudo pessoas a melhorar a relação com a comida e com o corpo.Nutrição fora da caixa #TA #vegetarianismo

Ler conteúdo completo
Indicados para você